Luiz Henrique Lima Campos – Microsoft MVP

1 de fevereiro de 2019
por luizhenriquelima
0 comentários

Disponibilidade Regular do Windows Server 2019

O Windows Server 2019 está agora disponível para compra por todas as empresas. Depois de 3 anos de trabalho, a equipe de Redmond liberou um sistema operacional que cintila no mundo local, bem como na nuvem. O Windows Server não está apenas alimentando o ambiente Intelligent Edge, onde existe uma excelente plataforma de Datacenter Definido por Software, executando Hyper-V ou Storage Spaces Direct, ou como plataforma de aplicativos. Ele também está alimentando o Microsoft Azure Intelligent Cloud . O Windows Server está mantendo a base da plataforma do Azure e também muitos serviços em execução no Microsoft Azure e no Microsoft Azure Stack . Todos esses investimentos também são relatados nos cenários em nossa casa, graças à introdução de sistemas cada vez mais inteligentes e automatizados.

Tendo agora uma base sólida sobre quais são os serviços mais conhecidos, como o Active Directory, servidores de arquivos, IIS e mais, a Microsoft preferiu mover seus recursos de investimento, dentro do Windows Server 2019 em quatro áreas macro.

Plataforma de Datacenter Híbrida

O Windows Server 2019 fornece novos recursos para estender o datacenter no Microsoft Azure para maximizar os investimentos existentes e adquirir novos recursos híbridos. Ao integrar com o Azure Active Directory, o Azure Backup, o Azure Site Recovery, os Serviços de Migração de Armazenamento, será possível adquirir serviços na nuvem e implementá-los localmente com custos reduzidos de gerenciamento.

Segurança

Um dos principais fatores hoje é a segurança. A Microsoft iniciou a jornada trazendo recursos avançados de segurança para o Windows Server 2016. Com o Windows Server 2019, esses recursos de segurança chegam a níveis muito altos. A Microsoft adicionou novos recursos, como o Shield Virtual Machines para LinuxExploit Guard e Encrypted Virtual Networks, sem subestimar a integração do Windows Defender Advanced Thread Protection.

Inovação de Aplicações

Graças ao lançamento do Canal Semestral do Windows Server, a Microsoft já fez investimentos importantes para habilitar desenvolvedores e profissionais de TI. Isso permite que criem aplicativos nativos na nuvem ou modernizem seus aplicativos tradicionais usando contêineres e micro-serviços. No Windows Server 2019, a Microsoft dá um passo à frente e lança notícias interessantes como o Linux Contêiner no Windows Server e o Windows Subsystem for Linux (já disponível no Windows 10 1803). Grandes investimentos também para aprimorar a experiência de imagens por contêiner no servidor Windows, otimizando imagens para o Server Core e o Nano Server SKU. A nova compilação também traz o suporte para o Kubernetes e Service Fabric, o mecanismo de orquestração para o mundo do contêiner.

Infraestrutura Hiper-Convergente

Um dos pilares em que o Azure e o Azure se baseiam é definitivamente o mundo da HCI, graças à integração do Datacenter Definido por Software. Por esse motivo, a Microsoft também está investindo em mais suporte de hardware, como suporte a memória-de-classe de armazenamento, mas também adicionando aprimoramentos de escalabilidade, resiliência e desempenho ao Storage Spaces Direct. Isso inclui melhorias como Cluster-Set, melhor desempenho para volumes de paridade com aceleração do espelhamento e muito mais.

Não apenas recursos para grandes empresas, mas também para de médio e pequeno porte porque o Windows Server 2019 introduziu a disponibilidade da Réplica de Armazenamento também para a versão Standard Edition mas agora, com as seguintes limitações:

  • Você pode replicar um único volume em vez de um número ilimitado de volumes
  • O tamanho máximo do volume replicado não deve exceder 2 TB
  • O volume na réplica pode ter apenas uma parceria, em vez de um número ilimitado de parceiros

Windows Admin Center: um console para tudo e todos!

Em termos de gestão, uma das maiores críticas à Microsoft sempre foi não ter ferramentas de gerenciamento para pequenas empresas, mas ter apenas produtos dedicados às grandes empresas, como o System Center. As SMBs que desejavam gerenciar seus servidores mas até abril de 2018, foram forçadas a comprar software de terceiros ou a confiar nos consoles nativos do Windows Server, com uma experiência muito ruim.

No coração do ecossistema Windows Server 2019 encontramos o Windows Admin Center, um portal HTML5 que permite consolidar os vários consoles de gerenciamento sem o uso de agente e Grátis. Graças à sua flexibilidade, o console pode ser usado internamente ou até mesmo para gerenciamento remoto. O Windows Admin Center não é apenas a ferramenta a ser usada, mas em alguns casos é o único meio de gerenciar funções do Windows Server 2019 (além do PowerShell); Entre esses, encontramos Serviços de Migração de Armazenamento, Informações do Sistema , SDN, sem esquecer as muitas integrações nativas com o mundo do Microsoft Azure.

Aprendizado de Máquina ed AI

Prevenção é melhor que a cura! Nós aprendemos este mantra desde cedo e é talvez uma das verdades mais absolutas que podemos adaptar em todas as condições de nossas vidas. O Windows Server 2019 introduz, sem custo adicional, um sistema de análise chamado System Insights, que permite que os administradores tenham o ambiente sob controle de seus próprios servidores, tendo uma análise comportamental para evitar bloqueios ou lentidões. Tudo isso é o resultado da inteligência artificial e Machine Learning , que é capaz de monitorar os parâmetros mais importantes.

Comece hoje!

Portanto, não importa onde deseja levar sua organização, chegue lá com o Windows Server 2019, o sistema operacional que une os ambientes locais aos serviços do Azure, permitindo cenários híbridos e maximizando os investimentos existentes. O Windows Server 2019 pode ser obtido no modo de avaliação desta página: [ www.microsoft.com/pt-br/cloud-platform/windows-server  ]

19 de janeiro de 2019
por luizhenriquelima
0 comentários

Liberado o Windows Server 2019 Evaluation

Antes tarde do que nunca. Microsoft liberou hoje o download da versão de avaliação do seu mais novo sistema operacional de servidores, o Windows Server 2019.

A Microsoft possuem um canal de comunicação com os usuários chamado de Evaluation Center (Centro de Avaliação). Lá você pode baixar diversos programas da empresa bem como Windows, Office, SQL Server e até mesmo o System Center para fins de estudo e avaliação.

O Windows Server 2019 foi liberado para download logo depois do seu lançamento oficial que ocorreu em julho do ano passado, mas em função de problemas técnicos a Microsoft removeu a opção de download da mídia.

Caso você queira baixar esse novo sistema operacional é só clicar aqui. É preciso criar uma conta na Microsoft para conseguir proceder com o download e usufruir de todas as vantagens.

27 de dezembro de 2018
por luizhenriquelima
0 comentários

Limpando cache de DNS de um computador local ou Remoto com powershell

Nesse procedimento vamos utilizar um comando basico do powershell, o procedimento é simples e facil de ser realizado.

Primeiramente vamos executar o comando abaixo para limpar o cache no computador local.


Clear-DnsClientCache

Agora no segundo momento vamos fazer a remoção do cache em um computador remoto.

Invoke-Command -script {Clear-DnsClientCache } -ComputerName <computername> -Credential servidor\administrador  

Onde computername é o nome do computador remoto e servidor\administrador é a credencial do computador.

Finalizando procedimento simples e fácil de ser realizado.

22 de dezembro de 2018
por luizhenriquelima
0 comentários

Definir local de rede Privado no Windows Server 2016 com PowerShell

Quando conectamos uma nova rede no computador, nos é perguntado se queremos compartilhar dados na rede ou não. Caso o clique seja feito no Não, ou ignorarmos esse questionamento, o Windows entende que você está em uma rede pública e não habilitará nada de compartilhamentos ou acesso remoto. Isso é uma dor de cabeça para quem usa os computadores ou servidores em rede.

Para realizar a troca de rede pública para rede privada, nem sempre é tão fácil. E para isso segue um tutorial rápido de como realizar o procedimento via PowerShell:

Com o PowerShell executado como administrador, precisamos descobrir em que localização de rede que que o computador está conectado e o índice de Interface de rede.

PS > Get-NetConnectionProfile
Name : Midegard
InterfaceAlias : Wi-Fi
InterfaceIndex : 6
NetworkCategory : Public
IPv4Connectivity : Internet
IPv6Connectivity : LocalNetwork
Após obtermos o "InterfaceIndex" e descobrirmos que a "NetworkCategory" está realmente como "Public", realizaremos o procedimento de alteração do local de rede para Privada.
PS > Set-NetConnectionProfile -InterfaceIndex 6 -NetworkCategory Private
Após esse procedimento, se realizarmos novamente o comando Get-NetConnectionProfile, será possível obseravar que a categoria de rede passou a ser Privada e não mais Pública
PS > Get-NetConnectionProfile
Name : Midegard
InterfaceAlias : Wi-Fi
InterfaceIndex : 6
NetworkCategory : Private
IPv4Connectivity : Internet
IPv6Connectivity : LocalNetwork

Simple e facil de ser utilizado.